MOV

VISITE NA UFAC - VIVER CIÊNCIAS 2017. VOTE NO BLOG DA ESCOLA RAIMUNDO GOMES DE OLIVEIRA.

MENUS

VOTE NO BLOG DA ESCOLA RAIMUNDO GOMES DE OLIVEIRA. COMPARTILHANDO E CURTINDO.

VOTE NO BLOG DA ESCOLA RAIMUNDO GOMES DE OLIVEIRA.  COMPARTILHANDO E CURTINDO.
CURTA E COMPARTILHE

terça-feira, 3 de setembro de 2013

PLANO DE CURSO DE CIÊNCIAS - SEGUNDO SEMESTRE DE 2013 EJA II MÓDULO II

GOVERNO DO ESTADO DO ACRE
SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO E ESPORTES
ESCOLA DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO RAIMUNDO GOMES DE OLIVEIRA
ENDERECO: CONJUNTO TUCUMA II, AVENIDA CENTRAL, S/N, BAIRRO – CONJ. TUCUMÃ
MODALIDADE: EJA      DISCIPLINA: CIÊNCIAS    SEGMENTO: EJA II  
MODULO: II      1º SEM./2013 C/H: 80H/A
PROFESSOR: ETICILDO LOPES DE OLIVEIRA

PLANO DE CURSO DE CIÊNCIA

Objetivos Gerais
Objetivos Específicos
Conteúdos
             Conhecer a Terra, sua estrutura física, seus componentes para compreender melhor os fenômenos naturais relacionando suas causas;
•             Conhecer a relação entre dos diversos componentes da Terra e sua biodiversidade.

•             Compreender a natureza como um sistema dinâmico e o ser humano como um agente de transformação.
•             Compreender as várias formas de poluição da água e suas consequências nos ecossistemas.
•             Conhecer as bases de um desenvolvimento sustentável, analisando soluções tecnológicas possíveis n agricultura, no manejo florestal, na reciclagem de materiais e no controle de poluição.

               
•           Conhecer as características físicas e químicas dos planetas que compõem o Sistema Solar;
                 Estabelece   relações entre o planeta Terra e os demais  planetas do Sistema Solar;
•           Descrever os movimentos do Sol, da Lua e das estrelas em relação ao horizonte, localizando os pontos cardeais durante o dia e à noite;
•           Comparar as teorias geocêntrica e heliocêntrica em relação aos movimentos dos corpos celestes, reconhecendo as diferentes concepções de universo e sua importância histórica;
•           Construir modelos tridimensionais do sistema solar;
•           Elaborar uma concepção de universo através da busca de informações sobre os cometas,  planetas, satélites e sistema solar.
Terra Um Planeta cheio de vida
- O planeta Terra e sua biodiversidade
- A estrutura da Terra: atmosfera, hidrosfera e litosfera.
- Solo, água e ar: elementos que caracterizam a vida na Terra.
- Propriedades do ar.
- Água: ocorrências e tipos.
- Ciclo da água na natureza.
- Composição e propriedades da água.
-Água e os seres vivos: água no corpo, ganho e perda da água (transpiração e desidratação).
- Energia produzida pela água.
- Poluição e contaminação das águas.
- Doenças transmitidas pela água.
- Rochas e minerais.
- O solo (degradação e poluição)
•             Conhecer as bases de um desenvolvimento sustentável, analisando soluções tecnológicas possíveis n agricultura, no manejo florestal, na reciclagem de materiais e no controle de poluição.
•             Desenvolver hábitos de higiene, evitando assim  a contaminação e proliferação de doenças.
•             Distinguir hábitos para manutenção e melhoria da saúde – alimentação e conservação dos alimentos, repouso e lazer ( esportes e atividades culturais)  adequados daqueles que prejudicam o indivíduo.
•             Conhecer anatomicamente o sistema digestório, identificando os órgãos que os compõem e a função exercida por cada um deles.
Alimentação como fonte de matéria e energia.
- Conservação de diferentes tipos de alimentos, local de fabricação.
- Anatomia e fisiologia do sistema digestivo.

             Compreender algumas das polêmicas que envolvem a origem dos seres vivos, relacionando-as ao contexto histórico em que ocorrem e reconhecendo sua importância para o avanço do conhecimento científico;
•             Reconhecer que a classificação biológica organiza a diversidade dos seres vivos e facilita seu estudo, além de mostrar as possíveis relações de parentesco evolutivo entre diferentes grupos de organismos;
             Fazer representações através de desenhos ou esquemas, experimentos laboratoriais simples, usando restos de comida e instrumentos práticos;
•             Comparar os modos com que diferentes seres vivos no espaço e no tempo,  realizam as funções de alimentação, sustentação, locomoção e reprodução, em relação às condições do ambiente em que vivem;
•             Avaliar a importância da inter-relação dos seres vivos para o equilíbrio da natureza;
•             Aplicar corretamente o sistema  de nomenclatura binominal e enumeração das categorias taxonômicas.
. Seres Vivos

- Investigação científica.
- Origem dos seres vivos
 -Classificação dos seres vivos: taxonomia e sistemática.
             Valorizar os conhecimentos científicos e técnicos sobre vírus e bactérias, de modo a reconhecer que, embora muitos desses sejam causadores de doenças, outros são importantes na reciclagem de elementos químicos na natureza;
•             Compreender a organização sistemática dos seres vivos.
•             Compreender e identificar estruturas celulares características dos vegetais, importantes na classificação e agrupamento nos filos.
•             Conhecer que os vírus e as bactérias, apesar de serem causadores de doenças apresentam grande importância  nos avanços da ciência  médica;
•             Caracterizar e exemplificar os grandes grupos de organismos ( vírus e os reinos monera, protista, fungi, plantae e animália);
•             Sistematizar o grupo dos reinos de modo a reconhecer padrões de semelhança e de diferença entre os seres com os quais convivemos;
•             Conhecer as semelhanças e diferença entre os grandes grupos de plantas, o que permite refletir sobre as relações de parentesco evolutivo entre esses importantes componentes do mundo vivo;
•             Entender que as plantas são as maiores responsáveis pela distribuição de oxigênio na atmosfera;
•             Analisar os processos de absorção, condução de água e sais minerais, nutrição, sustentação e reprodução das briófitas, pteridófitas, gminospermas e angiospermas.
Reino dos Seres Vivos

- Vírus: estruturas vivas, infecções, doenças e vacinas.
- Reino Monera: bactérias e cianofíceas.
 - Reino Protista: protozoários.
- Reino Fungi: fungos
- Reino Plantae: algas pluricelulares, briófitas, pteridófitas, gminospermas e angiospermas.
- Reino Animália: poríferos, celenterados, platelmintos, nematelmintos e anelídeos.
- Reino Animália i invertebrados: moluscos, artrópodes, equinodermos.
Reino Animália - vertebrados: aves, peixes, mamíferos,  répteis e anfíbios.






3. Metodologia de Ensino

                               A dimensão metodológica visa fazer com que o aluno (as), através de procedimentos didáticos simples, desperte o interesse e aprenda Ciência. Nesse processo, o professor terá função mediadora, orientadora e problematizadora na construção do conhecimento formal, valorizando a bagagem cultural e a experiência acumulada dos alunos. Para tanto, será usado o método expositivo e  dialogada com os aluno (as) onde estudaremos textos pré-selecionado onde contemple o assunto da matéria abordado no estudo dirigido de ciências,  para facilitar o entendimento dos alunos dos conteúdos estudados.

3.1. Recursos Didáticos

                              
Utilizaremos os recursos didáticos oferecidos pela escola, tais como: Quadro Branco, pincel, Exposição de Vídeos, Projetor Multimídia, Computador, Uso de materiais simples do cotidiano dos alunos.

                              
4. Avaliação da Aprendizagem
                               A avaliação no ensino de Ciência será contínua, englobando as modalidades de avaliação diagnóstica, formativa e somativas, além da adoção dos critérios objetivo do processo de ensino e aprendizagem, utilizando-se para tanto de alguns instrumentos e técnicas para melhor avaliar os aspectos do conhecimento: exercícios, observação, atividades de pesquisa, provas, trabalhos individuais ou coletivos, leituras de textos, debates, experiências, e outras formas que melhor retrata a vida e as condições de aprendizagem dos alunos.


5. Referências
1. ACRE, Secretaria de Estado de Educação. Orientações Curriculares Para o Ensino Ensino Fundamental  (Caderno 1 Ciência) Rio Branco, 2010. Disponível em: www.see.ac.gov.br
2. ACRE, Secretaria de estado de Educação. Referenciais Curriculares de EJA: segmentos I, II e III. Rio Branco: SEE, 2008.
3. BRASIL, Ministério da Educação. Parâmetros Curriculares Nacionais – Ensino Fundamental – (Parte II – Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias). Disponível em portal .mec.gov. BR.
4. Ciências do Ensino Fundamental 2º Segmento – Editora Ática (Etapa Única) Wilson Roberto Paulino/Carlos Barros - 1ª Edição, ... [et al.]. – São Paulo: FTD, 1999.

Professor Eticildo Lopes de Oliveira

Rio Branco, 27/08/2013

Nenhum comentário:

Postar um comentário